Para a Maysa, a Grendene é muito grande e as oportunidades são proporcionais

 

Aos 18 anos, Maysa conquistou o seu primeiro emprego. Isso foi em um maio distante, 11 anos atrás. E é com muito orgulho que a gente comemora esse aniversário com ela, pois foi aqui que Maysa começou a sua carreira.

Foi observando que as pessoas que trabalhavam na Grendene progrediam que o desejo de fazer parte da empresa tomou forma e tornou-se um propósito para Maysa, ainda quando ela estava terminando o ensino médio. Hoje, quando olha para o caminho que já percorreu na Grendene, tem a convicção de que as suas apostas estavam certas.

Graduada em Gestão de RH, Maysa trabalha na nossa unidade de Crato (CE). Antes de desempenhar a função de Analista de Processos de Produção, que é a sua atividade atual, acumulou experiências em cargos como Aprendiz, Auditor de Processos e Líder Técnico.

Para Maysa, a Grendene é muito grande e as oportunidades são proporcionais. O fato de a empresa ter várias unidades é também um diferencial, pois possibilita a mobilidade profissional, a troca cultural e de experiências. Outro destaque do ponto de vista dela é poder trabalhar com pessoas que estão conosco há bastante tempo: “Elas contribuem com a minha evolução. Elas também cresceram e se desenvolveram aqui e são exemplos para mim”.

Ao ser questionada sobre como é a rotina de estar em uma empresa há mais de 10 anos, ela enfatiza que na Grendene um dia não é igual ao outro, “o ambiente é dinâmico e permeado de constantes mudanças. A cada dia, a empresa se reinventa e está cada vez melhor”. Para Maysa, o quê permanece igual e reforça-se com o tempo é o fato da Grendene ser uma empresa que valoriza e investe nas pessoas.

Um dos maiores orgulhos dessa Cratense, que tem uma paixão imensa pela sua terra, é ouvir sua mãe contar para as pessoas que o quê a filha construiu foi mérito de muito estudo e trabalho, mas também das oportunidades que a Grendene oferece.

Sobre o futuro profissional, que ela afirma que será na Grendene, Maysa espera cada vez mais desafios “os desafios são importantes e servem para demonstrar o quanto somos capazes, o quanto podemos aprender e reaprender, nos reinventar a cada dia”.